Institucional

INDÚSTRIA POSITIVA

O processamento da cana-de-açúcar, apresentado esquematicamente ao lado, permite produzir energia renovável graças ao bagaço, resíduo fibroso da cana.

Tiramos proveito dessa particularidade para reduzirmos ao máximo nossa Pegada ambiental.

O PROCESSO

A cana-de-açúcar é uma gramínea que pode alcançar até 5 m de altura. Seu caule é colhido, pois é composto principalmente por água, açúcar e fibras denominadas bagaço.

A tributação de cana-de-açúcar permite separar o bagaço e o caldo. A partir deste obtém-se o açúcar, o álcool e o etanol.

O bagaço é coletado e depois queimado para produzir eletricidade a partir do vapor. Essa eletricidade é utilizada para fazer a usina funcionar, e o excedente é injetado na rede pública.